Hey Arnold! uma lição em forma de desenho animado

Os anos 90 foram os responsáveis pelos maiores sucessos animados da Nickelodeon, o canal apresentava uma competência indiscutível quando o assunto era animação e, entre elas, está uma das séries mais refinadas que a animação já conseguiu oferecer.

Estou falando, é claro, da série Hey Arnold!

Criada por Craig Bartlett, e estreando no dia 07 de Outubro de 1996, a série rendeu 100 episódios, divididos em 5 temporadas e um filme, lançado em 2002. Na série somos apresentados a Arnold, um garoto de dez anos incrivelmente sensato, que mora numa pensão junto com seus avôs paternos e os pensionistas. Em cada episódio podemos observar que Arnold sempre está ajudando alguém, seja ele um de seus colegas ou até mesmo um adulto.

O Nicktoon tem uma variedade incrível de personagens, e cada um deles tem pelo menos um episódio para que possamos conhecê-los melhor. E falando em variedade, esse é um dos pontos fortes do desenho, ele nos presenteia com vários personagens, um mais carismático que o outro, e é praticamente impossível não se identificar com pelo menos um deles, já que a personalidade de cada um é trabalhada com muito cuidado, o que os torna muito reais.

Outro ponto forte da série é o drama, representado de uma forma muito realista, e expõe situações que até então não eram comuns nos desenhos animados. A começar pelo protagonista, que cresceu sem os pais e sua única fonte de informação são os relatos, muitas vezes incoerentes, do seu avô.

Também chama atenção as cenas dramáticas, algumas delas divertidas, protagonizadas por Helga G. Pataki, que talvez seja a personagem mais interessante desta animação. Seus pais simplesmente parecem não se importar com sua existência já que estão ocupados demais se orgulhando de Olga, a irmã mais velha perfeitinha de Helga. Em alguns episódios os pais dela mostram algum tipo de afeição por ela, mas é muito raro, e chega a ser triste ver o tipo de tratamento que ela recebe, seu pai a chama apenas de garota, na maior parte do tempo, e sua mãe não faz nada além de dormir pelos cantos da casa.

Além de Helga e Arnold, temos muitos outros dramas vividos por outras famílias. São crianças encarando a pobreza, pais que precisam se separar de seus filhos, pessoas acostumadas ao luxo que precisam encarar a simplicidade e muitos outros problemas, que no fim, ajudam no desenvolvimento do caráter de cada personagem e, de certa forma, do telespectador.

Sendo o primeiro a misturar drama e comédia, Hey Arnold não poderia ter feito um trabalho melhor. É intenso e, ao mesmo tempo, divertido na medida certa, o que o torna uma ótima opção para pessoas de todas as idades. A primeira vista o desenho pode parecer só mais um show infantil, mas dê a ele a chance de que precisa e, com certeza, você vai se surpreender com a complexidade, o cuidado e a paixão que este Nicktoon oferece.

E você que ainda não viu Hey Arnold, o que está esperando? Com personagens muito bem trabalhados, uma trilha sonora impecável, dramas reais e situações divertidas, você com certeza vai se encantar com uma das séries animadas mais tocantes já feitas.

Leia mais em:  http://www.anmtv.xpg.com.br/hey-arnold-uma-licao-em-forma-de-desenho-animado/#ixzz2JDrBDOsX

Publicado em janeiro 28, 2013, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: